Estamos nas Redes Sociais:

Lugar de criança doente não é na escola!

 

Com o objetivo de proteger nossos alunos e conscientizar a comunidade escolar, a Escola Arara Azul lança uma campanha de prevenção à saúde, com uma série orientações e medidas preventivas, sendo uma delas: “LUGAR DE CRIANÇA DOENTE NÃO É NA ESCOLA!”

 

Para saber se a criança com mal-estar deve ou não ir à escola, é importante avaliar o seu quadro clínico e caso os sintomas persistam buscar um profissional da área da saúde.

Um dos sinais que merecem atenção é a febre, que funciona como um alerta de que o corpo não vai bem e necessita de atenção.

 

FEBRE E OUTROS SINTOMAS

A febre está ligada a diferentes quadros, desde infecções de curso rápido, até problemas mais graves. Quando uma criança apresenta febre, é fundamental buscar ajuda médica e mantê-la hidratada, em repouso, até que o diagnóstico correto seja realizado.

Além da febre, outros sinais e sintomas devem ser verificados antes de trazê-la à escola. Vômitos e diarreias, por exemplo, podem indicar doenças virais, além de causar grande desconforto na criança. Manchas na pele também são sinais que merecem cuidados, uma vez que podem indicar uma alergia ou até mesmo uma doença mais grave, de fácil transmissão.

Nesses casos, a melhor opção é manter a criança em casa.

RETORNO À ESCOLA

Tendo em vista a facilidade que vírus, fungos e bactérias têm de se propagar, é que os aconselhamos a avaliar a situação de saúde do seu filho antes de trazê-lo à escola.

O aluno que apresente os sintomas acima, ao retornar à escola deverá trazer o atestado médico liberando a criança para a rotina escolar.

Fonte: https://brasilescola.uol.com.br/